[RESENHA] A Trinca Âmbar – Guilherme Pimenta

trinca
Adquira o e-book aqui, pela Amazon!

Título: A Trinca Âmbar
Autoria: Guilherme Pimenta
Editora: Independente
Nº de páginas: 44 (segundo a Amazon)
Gênero: Science Fantasy?
Nota: ★★★★★

 

 

 

Bondye havia jurado nunca mais passar pelos portões do Apex, onde milhares se reuniam para assistir a violenta dança da morte.
Era exatamente onde ele estava.
Ele sabia que nenhum juramento resistiria a um pedido de seu grande amor, porque seu amor era o motivo pelo qual ele deixou de ser o dançarino Bond para renascer como um Lorde de Scomo. Tudo que Bonde e seu assistente precisam fazer é encontrar uma contrabandista, a qual todos chamam de Acumuladora, que diz ter o que eles precisam.
Talvez não seja tão simples, mas ele precisa tentar. Seu firmamento havia lhe pedido uma estrela, e Bondye faria de tudo para consegui-la.

EM ALLCAPS MESMO PRA EXPRESSAR MINHA SURPRESA.

No banco, enquanto esperava resolverem umas coisas, peguei esse livro para ler. E rapaz, não me arrependi. Li até metade, me chamaram, resolvi minhas coisas, peguei o metrô e terminei de ler numa tacada só.

Continuar lendo “[RESENHA] A Trinca Âmbar – Guilherme Pimenta”

[RESENHA] Lobo de Rua – Jana P. Bianchi

lobo

Título: Lobo de Rua
Autoria: Jana P. Bianchi
Editora: Independente
Nº de páginas: 78 (segundo a Amazon)
Gênero: Fantasia urbana
Nota: ★★★★★

 

 

Essa é uma novela sobre homens, lobos e luas.

Raul é um morador de rua, um homem invisível e desgraçado como tantos os outros. Como se sua desgraça não fosse suficiente, Raul contrai a maldição da licantropia, tornando-se um lamentável lobo de rua. Tito Agnelli não compartilha do abandono de Raul, mas conhece muito bem a sensação de ser rasgado por dentro, todos os meses, pela coisa vil que se abriga nele. Assim, compadecido com o sofrimento do recém-transformado, Tito acolhe Raul na Alcateia de São Paulo, extinta até então por falta de lobisomens residentes na Pauliceia. Depois de décadas de contaminação, Tito conhece cada detalhe da maldição que o transforma em lobisomem. Além disso, conhece também a Galeria Creta, um lugar em São Paulo onde ele e outros dos seus são bem vindos nas noites de lua.

Basta pagar o preço.

Estou escrevendo agora que terminei de ler pela segunda vez e estou NUMA BAD, MEU IRMÃO………….

Continuar lendo “[RESENHA] Lobo de Rua – Jana P. Bianchi”